Jora Blog

O exercício do controle na construção de sua carreira

Giovanna Baccarin | Jun 7, 2017

No processo da construção de nossa própria carreira, seja empreendendo em nosso negócio ou profissão, seja colaborando com o negócio de outra pessoa, temos no geral a ilusão de um controle absoluto que simplesmente não existe. E o conjunto de conselhos profissionais para a própria construção de uma carreira de sucesso, no geral, implica no exercício desse controle.

São coisas do tipo: tenha objetivos, tenha planos, enxergue qual é o caminho a seguir, trace uma rota. E apesar de muitos desses conselhos serem bastante interessantes (eu mesma já dei alguns deles por aqui), nem sempre a vida permite que a gente consiga realizar a caminhada do nosso desejo ao objetivo final de forma linear.

Dessa forma, neste rápido artigo, meu objetivo é ressaltar a necessidade de uma constante ressignificação de nossa caminhada profissional. Então, ao mesmo tempo em que é importante olhar para o futuro e traçar uma rota de para onde queremos ir, é importante também olhar para onde estamos e entender o que nos trouxe até aqui.

Reescrever o passado

Muitas vezes ainda não estamos onde gostaríamos. Talvez o plano fosse a essa altura do campeonato já termos atingido uma série de objetivos dos quais não estamos nem perto ainda. E podemos encarar esses desvios de rota de duas formas. A primeira é sentindo culpa, raiva, desilusão e fracasso. A segunda é uma busca por entender e ressignificar esse caminho. Entendendo que tipo de presentes e acréscimos ele nos trouxe e que, apesar de terem sido diferentes daqueles que buscávamos, possivelmente nos tornaram alguém mais interessante.

Há algum tempo gravei um vídeo sobre uma técnica japonesa chamada kintsugi que é justamente uma forma de aceitação e embelezamento das imperfeições que a jornada pela existência apresenta.

Acompanhe essa reflexão no vídeo abaixo

Desvios de rota

Esse tipo de reflexão é importante para que também possamos ter presença de espírito quando a vida nos apresenta situações inesperadas que irão desviar a nossa rota ou criar pausas forçadas. Quando percebemos que esse controle absoluto é uma ilusão, perdemos a rigidez e conseguimos ter mais flexibilidade para nos posicionar em como responder aos desafios que a caminhada nos apresenta.

E é justamente essa presença, essa clareza, de que podemos construir algo belo mesmo com a adição das muitas inevitáveis imperfeições que nos permitirá construir a somatória de um conjunto da obra interessante no final.

Por um caminho autêntico

Conselhos são bons, conhecimento esclarece. Tomar as rédeas nas mãos e planejar o futuro é ótimo. Mas, mais do que tudo, precisamos lembrar que essa é nossa vida, nossa jornada existencial e que ela simplesmente não tem receita pronta. O máximo que podemos fazer é jogar o melhor jogo a cada momento com as cartas que a vida nos dá.

Então esse artigo é uma espécie de pequena pausa, um pedido, para que tenhamos um olhar compassivo para nossas próprias carreiras a fim de que possamos verdadeiramente aproveitá-las na construção de uma vida bem vivida.

Giovanna Baccarin

Giovanna Baccarin

Mentora,palestrante e empreendedora. Foca nas áreas de empreendedorismo, estratégia,marcas e tendências. Autora do livro Empreenda com Menos - Crie sua empresa com menos recursos, riscos e incertezas.