Jora Blog

Em busca de uma recolocação profissional

Marciléa Silva | Nov 15, 2016

Se você foi demitido, o primeiro ponto importante é analisar as causas que geraram a demissão. Na maioria das vezes, o motivo da demissão foi gerado pelo próprio demitido, mesmo quando a empresa decide reduzir o quadro de funcionários, ela só irá demitir aqueles que não estão dando resultado.

Vários fatores podem contribuir para uma demissão: ausência de comprometimento, falta de disciplina, atitudes e comportamentos inadequados, falta de marketing pessoal e até mesmo a insatisfação com o trabalho que pode ser percebida pelos superiores. Por isso, é muito importante fazer uma auto-análise realista e buscar respostas dentro de si.

Feita essa auto-análise é hora de atualizar seu currículo. Parece algo simples, mas no meu dia a dia trabalhando com consultoria e com coaching para recolocação profissional vejo como as pessoas erram ao elaborar um currículo.

O primeiro ponto é entender que o currículo deve ser personalizado para a vaga que está buscando. Não faça um currículo genérico, pois você pode não ressaltar experiências importantes que dizem respeito à vaga em questão. (Veja o artigo Modelos de currículo para baixar)

Outro ponto a destacar é que ele tem que estar bem organizado, com um layout simples, com as informações bem dispostas e precisas com os principais momentos de sua vida profissional, acadêmica e de suas qualificações.

A busca por uma vaga de emprego precisa estar alinhada com seus objetivos, se, por exemplo, para você é importante ter mais tempo com a família, deverá buscar empresas que lhe permitam uma carga horária flexível e que não trabalhe nos fins de semana.

Às vezes ouço as pessoas dizendo que estão buscando “qualquer coisa”, “qualquer vaga”, mas sem foco ninguém consegue chegar a lugar algum.

Nessa fase de recolocação profissional, o coaching de carreira pode ser uma opção para ajudar os profissionais a voltarem para o mercado de trabalho.

O processo é dinâmico e tem o objetivo de ajudar a elaborar o currículo de forma adequada, melhorar ou eliminar comportamentos que podem prejudicar o profissional no futuro emprego, identificar e desenvolver competências e habilidades que este profissional precisa ter para conseguir um novo emprego, além de trabalhar o autoconhecimento.

Percebo o quanto as pessoas têm dificuldades de falar de si mesmas. Quanto mais o profissional se conhece, mais ele tem condições de acessar seu potencial e demonstrar na entrevista seus diferenciais no processo de contratação.

Este empoderamento que o processo de coaching proporciona, aumenta muito a autoconfiança que normalmente é abalada quando o profissional fica fora do mercado de trabalho.

Além disso, comportamentos nocivos e crenças limitantes também são identificados e trabalhados para que não interfiram na busca pelo novo emprego.

Outro ponto muito positivo do processo de coaching é a preparação para a entrevista. Simular uma entrevista faz com que o profissional se sinta preparado na hora da entrevista de verdade. Nesta simulação, corrijo muitas questões que se fossem ditas na entrevista seriam fatalmente causas de eliminação do candidato.

Por isso, o coaching de carreira se destaca como um poderoso aliado, buscando as melhores estratégias para conquistar a recolocação no mercado de trabalho e dando ao profissional a segurança necessária para enfrentar essa fase difícil.

Caso queira conhecer os benefícios que o processo de coaching proporciona, consulte meu site e leia os depoimentos que profissionais deixaram sobre o impacto que o coaching gerou em suas vidas.

Marciléa Silva

Marciléa Silva

Master Coach de Carreira, Executivo e Negócios. Desenvolvimento de carreira e recolocação profissional. Desenvolvimento de lideranças estratégicas para empresas e empresários.