Jora Blog

Como saber se você tem espírito empreendedor

Giovanna Baccarin | Feb 26, 2017

Muita gente quer abrir um negócio simplesmente para ser o próprio chefe. Mas o que acontece frequentemente nessa jornada, é descobrir que você é o pior chefe que você mesmo já teve.

Você quer criar um negócio. Saiu daquele emprego que detestava ou está no mercado há algum tempo sem encontrar boas perspectivas e enxerga essa como a chance perfeita para ser o seu próprio chefe. Você quer empreender. E em meio às muitas incertezas que existem em torno da ideia de abrir uma empresa, você, além de tudo, se pergunta: será que sou mesmo empreendedor?

E se você parou por um momento e realmente se fez essa pergunta, já se diferencia e muito da maior parte das pessoas. Afinal, uma das características mais importantes de um bom empreendedor é justamente a autopercepção, o autoconhecimento. Pois gerenciar um negócio é cuidar das mais diferentes vertentes de trabalho. É ser líder, contador, administrador, vendedor, desenvolvedor de produtos, gerente de pessoas, atendente e muitas vezes faxineiro. Por mais que existam pessoas ajudando a desempenhar essas muitas tarefas, é o empreendedor aquele que precisa conhecer o funcionamento da máquina como um todo. Ele precisa conhecer o que sabe e o que não sabe fazer, precisa saber buscar ajuda e principalmente, que tipo de ajuda buscar. É por isso que vemos tantos cursos e treinamentos de autoconhecimento para empreendedores. Pois quando as portas da empresa se abrem é que nossos pontos cegos podem ser a diferença entre sobreviver ou não no mercado.

O perigo de ser seu próprio chefe

Muita gente quer abrir um negócio simplesmente para ser o próprio chefe. Mas o que acontece frequentemente nessa jornada, é descobrir que você é o pior chefe que você mesmo já teve. Ou você percebe que é viciado em trabalho e acaba eliminando de vez qualquer chance de lazer e tempo livre. Ou lhe falta completamente a disciplina e assiduidade para fazer o que precisa ser feito. Ou ainda, percebe que é aquele tipo de chefe ansioso e inseguro que não descansa nunca sua mente, sempre querendo saber qual será o próximo passo.

E neste momento voltamos a ideia de autoconhecimento, pois mesmo que você descubra que não é o melhor chefe dos mundos, pode buscar formas de se desenvolver no processo.

O que é sucesso

E há ainda outra questão muito importante. O sucesso. Palavrinha que todo mundo parece entender e que por outro lado pode significar tantas coisas diferentes. Afinal, o espírito empreendedor não é um só. Ele está muito ligado à definição de sucesso de alguém. Porque aquilo que é necessário para construir um império de uma corporação multinacional é diferente do que é preciso para chegar a ser uma grande franquia e muda em relação ao que é necessário para ter uma pequena loja numa cidade do interior.

Você deseja ter milhares de funcionários ou talvez apenas dois ou três? Você deseja comandar milhares de pontos de vendas ou está feliz com sua lojinha na internet? Você quer trabalhar direto no atendimento ao consumidor final ou prestar serviços para outras empresas?

Variadas formas de empreender

Existem as mais variadas formas de empreender. Você pode fazer isso até mesmo assumindo uma carreira de freelancer ou de prestador de serviços. E aí temos novamente a questão do autoconhecimento. Você já pensou qual é, de verdade, o tipo e o tamanho do negócio que te trariam os sentimentos que você busca na vida? Sim… porque o sucesso, como eu disse, pode significar muita coisa diferente e no final das contas ele se resume, para cada pessoa, ao tipo de sentimento que ela deseja ter em sua jornada pela vida.

Você quer ter mais liberdade? Quer ter poder? Quem sabe deseja encontrar um senso de comunidade e serviço ao próximo. O que quer que seja, é importante saber. Só assim será possível criar o tipo de negócio certo para você. Para que tenha as chances de ser o melhor chefe que já teve e também para entender que comportamentos empreendedores precisa desenvolver no caminho.

Testes

De qualquer forma, existem alguns traços que costumam ser bem comuns à maioria dos empreendedores. Uma espécie de personalidade e propensão a alguns tipos de comportamento que facilitam essa ‘profissão’ tão na moda nos dias de hoje. Abaixo seguem algumas dicas de testes que você pode fazer online para aumentar um pouco mais esse tão precioso conhecimento que precisa ter sobre si mesmo:

Cada caminho é único

Só você pode descobrir e trilhar o seu caminho. Só você pode tomar a decisão de se vale ou não à pena empreender. Mas se o fizer, o faça de forma consciente, clara, desperta. Faça em cima do seu autoconhecimento ou ao menos buscando-o cada vez mais. Dessa forma, seu caminho estará iluminado e você conseguirá enxergar os momentos em que é preciso corrigir a rota, mudar de direção ou pedir ajuda. E no fim das contas, no empreendedorismo, assim como na vida, essas são as coisas mais importantes.

Giovanna Baccarin

Giovanna Baccarin

Mentora,palestrante e empreendedora. Foca nas áreas de empreendedorismo, estratégia,marcas e tendências. Autora do livro Empreenda com Menos - Crie sua empresa com menos recursos, riscos e incertezas.